Programação de Abril de 2017 no Rio de Janeiro

AbrilÓpera-Jenufa-1-low-Crédito-Liliana-Morsia-2-520x245

O Theatro Municipal inicia sua temporada de ópera com Jenůfa de Leoš Janáček, produção originalmente programada para 2016. Com concepção e direção cênica de André Heller-Lopes, novo diretor artístico do Municipal, e direção musical e regência de Marcelo de Jesus, finalmente vemos em 2017 a casa mostrando sua força, com a Orquestra e Coro se apresentando. Destaque para a participação das cantoras Gabriella Pace e Eliane Coelho. Récitas dias 2, 4, 7 e 9.

A Orquestra Petrobras Sinfônica se apresenta em três ocasiões. Uma no Municipal, com obras de Brahms e Tchaikovsky, dia 21. Fedor Rudin, ao violino, sola o concerto do primeiro. E duas outras na Sala Cecília Meireles, dias 28 e 29, com Obras de Mozart e Richard Strauss. Nestes, Cristiano Alves sola o concerto para clarineta do compositor austríaco. Todos três concertos regidos por Karabtchevsky.

Do cenário internacional, a Dell’arte traz ao palco do Municipal o contratenor Philippe Jaroussky, em apresentação com árias para castrati de Handel, no dia 19.

A Sala Cecília Meireles apresenta, além da Petrobras Sinfônica já citada, vários concertos usando intensivamente recursos do Rio de Janeiro. Dias 7 e 8, concertos com obras de Mozart interpretados pela orquestra Johann Sebastian Rio, pelo Quinteto Villa-Lobos e o Quarteto di Cremona. Para os fãs do compositor é prato cheio. O Quarteto di Cremona também se apresenta na Sala, dia 6, com obras de Shostakovich, Haydn e Mozart. As Orquestras da Cesgranrio, dia 1, e Sinfônica da UNIRIO, dia 9, marcam presença na programação da Sala.

Na Cidade das Artes, dia 15, serão celebrados os 70 anos de carreira de Roberto de Regina, que apresentará ao cravo obras do barroco. O concerto também servirá para o maestro autografar seu primeiro livro “Vida e Obra de Roberto de Regina”.

A Escola de Música da UFRJ apresenta a Orquestra Sinfônica da UFRJ, regida por André Cardoso, interpretando obras de Mozart, dia 17. No dia 19, o italiano Silvio Celeghin, toca o órgão do Salão Leopoldo Miguez. E dia 6, a Orquestra de Sopros da UFRJ apresenta programa com obras de Holst, dentre outros.

Na UFF, em Niterói, apresentações da Orquestra Sinfônica Nacional da UFF, dias 2, 6 (com Elomar) e 30. O grupo Música Antiga da UFF se apresenta dia 9.

Até a presente data, Música no Museu e Centro Municipal de Referência da Música Carioca Artur da Távola não haviam divulgado suas programações.

José Saliby

Rio de Janeiro, 31 de março de 2017

Advertisements
This entry was posted in Ópera, Programação, Sala Cecilia Meireles, Theatro Municipal, Uncategorized and tagged , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s